Meeting Indoor Turim 2009

Turim09

Portugal está representado por 12 atletas no Europeu de pista coberta. Ausentes Nélson Évora e Naide Gomes, as esperanças de bons resultados estão em Rui Silva e Jéssica Augusto.

Rui Silva, que regressa após ausência em Pequim, por lesão, e Jéssica Augusto são as grandes apostas de Portugal para os campeonatos da Europa de pista coberta que hoje começam em Turim (Itália). Ausentes os saltadores Nélson Évora e Naide Gomes, após o sucesso do primeiro no triplo (ouro) e o desaire da segunda no salto em comprimento nos Jogos Olímpicos de Pequim (em 2008), são os meio-fundistas a assumir as responsabilidades de competir pelas finais e respectivas medalhas nas corridas de 1500 e 3000 metros. Portugal, com tradição nesta competição (sem africanos) soma 12 medalhas oito delas forma conquistadas por meio-fundistas.

Rui Silva reaparece, aos 31 anos, depois de uma medalha de bronze no corta-mato europeu. A sua aposta nos 1500 metros é arriscada mas, para o atleta, é um desafio que poderá surtir num bom resultado, próximo do que obteve em Atenas 2004, onde foi bronze na mesma distância. Mais experiente e ainda com uma boa capacidade de aceleração final, o sportinguista poderá beneficiar da maturidade frente a um forte trio de espanhóis: Diego Ruiz (3.36,42), Alvaro Fernandez (3.37,37) e Alvaro Rodriguez (3.38,10). O pupilo de João Campos tem como melhor o recorde de Portugal (3.34,99). Este ano o ribatejano correu em 3.38,99, mas deu mostras de que poderá fazer bem melhor.

Em femininos, Jéssica Augusto, Inês Monteiro e Sara Moreira preenchem todas as vagas disponíveis nos 3000 metros. Jéssica Augusto e Inês Monteiro foram segunda e terceira, respectivamente, no Europeu de crosse a 14 de Dezembro em Bruxelas. Na pista coberta, a campeã nacional de crosse está em terceiro lugar no ranking europeu, a pouco mais de um segundo da segunda, a irlandesa Mary Cullen (8.43,74), numa prova dominada pela russa Anna Alminova (8.28.49).

Da restante comitiva, não se pode esperar muito mais que a tentativa de passar a primeira ronda. Marco Fortes, caso consiga supera o seu recorde de Portugal (20,08 m), amanhã de manhã (10.30) poder chegar a um lugar entre os finalistas.

Apresentamos aqui as principais esperanças portuguesas nestes jogos:

Aqui fica o site onde podem acompanhar tudo o que se passa neste meeting!

http://www.atleta-digital.com/index.php

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: